Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

free the make-up

Choose Cruelty-Free!

Choose Cruelty-Free!

20
Jan19

Resoluções de ano novo 2. O primer é uma coisa boa e deve ser usado

 

 

Primer é, arrisco-me a dizer, uma palavra desconhecida no vocabulário de muito boa gente. Ou se não o é, a sua utilidade é de escasso conhecimento.

Ora para mim, não só é indispensável como devo ter mais primers que bases. Entre o meu tipo de pele, o tipo de base que quero usar ou a circunstancia, as combinações são várias e, por isso, não se arrisca e tem-se um de cada. Há quem compre sapatos. É igual.

 

Comecemos por perceber o que é.

Um primer é um produto, normalmente género creme, que é utilizado depois da rotina de pele e antes da maquilhagem.

Podemos encontrar em várias texturas como líquido, spray, creme, ou silicone. Cada um com a sua função seja hidratante, matificante ou com correção cromática.

 

Para que serve.

O objetivo é criar uma espécie de barreira entre a pele e a maquilhagem, que vai ajudar a proteger a pele e fazer durar a maquilhagem.

 

Nada melhor para explicar tudo como alguns exemplos:

 

Hidratante

Adequa-se a peles mais secas ou desidratadas em que a maquilhagem corre o risco de “escamar”. Assim, função será dar uma dose extra de hidratação, garantindo que a maquilhagem se mantém impecável enquanto durar.

 

Hangover, Too Faced, na Sephora

 

 

First Light Priming Filter, Becca, na Sephora

 

 

 

Corretor

Para correção cromática do tom de pele. São primers com cores específicas para a correção que pretendemos.

Verde para peles mais avermelhadas ou com rosácea, pêssego ou salmão para peles mais arroxeadas como olheiras. Ou tudo ao mesmo tempo.

 

Radiant Boost, Kiko Milano

 

 

Skin Tone, Kiko Milano

 

 

One Step, Stila, no Beauty Bay

 

 

 

Uniformizador

Para imperfeições como marcas de acne ou poros mais dilatados, serve para uniformizar a textura da pele deixando a base com um aspeto mais homogéneo.

Costumam ter uma textura cremosa mais espessa ou à base de silicone para “preencher” essas falhas que a pele possa ter

 

Pro Filt'r Instant Retouch Primer, Fenty Beauty, na Sephora

 

 

High-Adherence Silicone Primer, The Ordinary, no Beauty Bay

 

 

 

Matificante

Para peles mistas, oleosas ou com tendência a brilhos indesejados nos casos de usarmos bases mais líquidas ou luminosas.

É como se secasse um pouquinho a pele fazendo um controlo prolongado dos níveis de sebo (sim, sebo é o termo certo).

 

De-Slick, Urban Decay, na Sephora

 

 

Anti-blemish Matte Primer, Jouer Cosmetics, no Beauty Bay

 

 

Proteção solar

É isso mesmo.

 

You Better Work!, essence, na Maquibeauty

 

 

 

Neutro

Só queremos mesmo que a maquilhagem se aguente durante o dia, sem grandes exigências.

 

High-Spreadability Fluid Primer, The Ordinary, no Beauty Bay

 

 

 

Iluminador

Quando queremos dar um glow natural à pele mas não nos queremos encher de pós e pózinhos depois da base.

 

Backlight Priming Filter, Becca, na Sephora

 

 

Isto pode parecer um exagero, um engodo, mas não é. Não resistam, que não é tanga.

Quantas de nós não nos víamos a pôr base de manhã e a meio do dia estarmos às manchas como se a pele tivesse absorvido parcialmente partes da nossa base? Pois era mesmo isso que acontecia, ou ainda acontece, a quem não usa primer.

Se ainda se veem a braços com este flagelo, experimentem usar um primer antes para verem como funciona tão bem.

E depois questionem-se como não souberam disto mais cedo.

 

E não precisamos comprar um primer todo xpto que promete maravilhas e custa os olhos da cara. Precisamos do primer adequado. Testem nas lojas, peçam pequenos testers para levar para casa (a Sephora, por exemplo, dá) até encontrarem o ideal.

 

O primer deve, a partir de agora, fazer parte da rotina de maquilhagem e é esta a segunda resolução de ano novo.

 

Na próxima resolução vou falar de maquilhagem simples sem grandes complicações. Porque nem sempre podemos querer grandes maquilhagens mas também nem sempre aceitamos sair de casa com a cara desfeita por causa de uma má noite de sono.

 

Stay there. (:

 

xx

16
Dez18

Presentes de Natal - Sugestões Cruelty-Free desde 5€

 

Se és daquelas pessoas (eu!) que deixa tudo para a última da hora e neste momento ainda tens prendas de Natal e prendas de amigos secretos para comprar mas continuas sem ideias, este post é para ti (nós!).

Comprar em loja, comprar online, estamos a praticamente uma semana do Natal, mas ainda te safas!

E claro, tudo cruelty-free!

 

LUSH

 

Amoreiras Shopping, Oeiras Parque ou online (ainda dá...), o que não falta são coisas boas para comprar, desde champôs sólidos e sabonetes, cofrets e até lenços para embrulhar os presentes.

 

Coffret Sweet Christmas, 13,25€

 

 

   

Coffret Deck The Halls, 19,95€

 

 

Champôs sólidos desde 8,75€

 

 

Sabonetes super giros desde 5,25€

 

 

As famosas bombas de banho desde 5€

 

 

Knot Wraps para embrulhares as tuas prendas de forma ecológica desde 5,95€

 

 

Rituals

Se quisermos assim uma coisinha mais fancy.

 

Coffret Ritual of Sakura, 20,50€

 

 

Bed & Body Mist, 16,50€

 

 

Sticks perfumadores Ritual of Sakura, 13,50€

 

 

Sephora

Todo um mundo de sugestões!

 

Coffret Bum Bum Carnaval Magic, Sol de Janeiro, 39€

 

 

Enchanted Glow Kit, Becca, 40€

 

 

Coffret Naked Cherry Vault, 35,90€

 

 

Foreo, vários tamanhos desde 49,90€

 

 

Luna 2 para homem, Foreo, 199,90€

 

 

Cracker Fenty Beauty, 20€

 

 

Cracker Marc Jacobs, 21€

 

 

Cracker Zoeva, 26€

 

 

Não há desculpa! Há muita coisa gira que se pode dar aquela amiga, aquela tia, aquela amiga secreta de quem não sabemos bem os gostos.

Produtos de beleza nunca desiludem.

Boas compras e bom Natal! (:

 

xx

 

25
Mar18

Review | Paleta Morphe x Jaclyn Hill

 

A paleta que usei para os looks até agora no blog, foi a Morphe x Jaclyn Hill, apenas. E para outros looks pré-blog, porque já vem a ser a minha paleta favorita desde que a comprei!

 

Contextualizando um pouco.

A Morphe é, na minha opinião, das melhores marcas de paletas de sombras de olhos. Pela qualidade, pelo preço, pela escolha das cores nas paletas. A Morphe não vende só sombras, tem outros produtos, mas em sombras é sem dúvida a escolha de muitas beauty influencers.

A Jaclyn Hill é das melhores beauty youtubers! Pelo que uma parceria entre ambas, só podia dar boa coisa.

Podem ver aqui o Instagram dela, e aqui o canal do Youtube.

 

A paleta foge um pouco ao preço normal das paletas de 35 cores da Morphe (25€). Esta parceria resulta numa paleta igualmente de 35 sombras, com um custo de 42€. Mas… a Morphe e a Jaclyn elevaram a fasquia da qualidade! Foram precisos dois anos para a criação desta paleta e a espera valeu a pena!

 

 

 

19
Mar18

Novidades, novidades! | Green Me - Kiko Milano

 

Até dia 29 de Março podemos encontrar nas lojas Kiko, e online, a nova coleção de produtos naturais, a Green Me.

Não é bem tudo produtos naturais, mas sim maioritariamente, inclusive o packaging.

 

Temos BB Cream, bronzer, blush, máscara de pestanas, paletas de sombras, lápis de lábios, sobrancelhas e olhos e um face mist hidratante.

Em skincare podemos ver máscaras de argila, esfoliante de corpo, sabão e um bálsamo de lábios.

A Kiko compementa a coleção com acessórios como discos e esponja de limpeza e pincéis.

 

O produtos contam com ingredientes como sais minerais, óleos de algodão, argão, camomila e jojoba, manteigas de karité e manga selvagem, bagas de goji, argila vulcânica de Marrocos, cafeína, azeite, cristais de açúcar, cera de abelha, extrato de rosa e chá de peónia branca.

 

Já tive a oportunidade de ir espreitar, mas… não comprei nada. Não houve assim nada que me despertasse essa vontade, a não ser se calhar o bronzer em pó solto, que me pareceu super leve e o sabão que cheira muuuito bem. (hei de voltar...)

O packaging e a disposição da coleção em loja são fofinhos, mas não gostei muito dos apontamentos em madeira, parece-me um pouco esforço a mais para parecer "natural". Não dá um ar muito clean à coleção.

Mas calhando passar por uma Kiko, ou acedendo ao site, vale a pena dar um olho, claro!

A coleção também nos oferece uma bolsa na compra de dois produtos.

 

O mercado de produtos naturais está cada vez mais em expansão e do qual até sou fã. A coleção terminar no fim do mês faz-me crer que vem um pouco a medo, mas acredito que a revelar adesão a possam trazer de volta, se calhar até definitivamente. Seria uma ótima aposta da Kiko.

 

 

 

xx 

18
Mar18

Sephora | Cruelty-free - O quê, e onde comprar

 

 

Posso já dizer-vos que a marca própria da Sephora não é Cruelty-Free!

Podem ir chorar e depois voltem para ler o resto do post.

 

Bem! É verdade. Este post é sobre a Sephora, mas não Sephora maquilhagem e sim sobre a loja e suas marcas cruelty-free.

A loja tem-se adaptado e muitas marcas de maquilhagem cruelty-free internacionalmente conhecidas entram no nosso mercado através da Sephora exclusivamente, e só temos de agradecer! Felizmente já existe uma boa seleção de boas marcas cruelty-free e vamos falar sobre elas.

 

 

 

 

14
Mar18

Brand Review | Kiko Milano

 

Pois é!

Quando achamos que é complicado, eis que a Kiko Milano é cruelty-free!

 

Esta é a primeira marca sobre a qual vos falo por estar ao alcance de todos, ter praticamente tudo no que toca a maquilhagem, ter várias opções de skincare, ser bastante acessível e por ter produtos de ótima qualidade!

É uma marca italiana que nos chegou a Portugal por volta de 2011 e já conta com 42 lojas físicas e loja online no site.

A gama de produtos é bastante abrangente desde maquilhagem, skincare, vernizes, nailcare, pincéis e acessórios.

 

Já experimentei um pouco de tudo porque sou fã desde o inicio. Acompanhei a renovação da imagem e das fórmulas e mantenho a minha preferência em vários produtos!

 

 

 

sobre



⋯ Mariana
⋯ Cosmetics and make-up
⋯ Self-taught
⋯ Cruelty-Free since 2016

⋯ all ilustrations by me ⋯

contactos ⋯ seguir

arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D